Homem foi assassinado com 4 golpes na cabeça durante briga por marmitex

0

Discussão por causa de uma marmitex levou Alexandre Rodrigues de Matos, de 24 anos, a assassinar um homem com uma barra de ferro, na noite desta quarta-feira (24), na Rua 7 de Setembro, no Centro de Campo Grande. Em depoimento à Polícia Civil, Alexandre disse ter sido “desaforado” pela vítima durante a briga.

Ele então encontrou o objeto próximo ao local da confusão, retornou e atingiu o homem primeiramente na perna, e depois golpeou a cabeça dele por mais 4 vezes. A vítima teve afundamento de crânio e ainda não foi identificada, mas tem aparentemente 40 anos e pode ser um morador de rua.

Publicidade

Após cometer o crime, Alexandre saiu transtornado pela região central até ser abordado por guardas municipais na base da Praça do Rádio Clube. Ele admitiu ter matado uma pessoa e levou os agentes até o corpo.

Quando os agentes chegaram no local do assassinato com o suspeito, lá já estavam policiais militares e investigadores do GOI (Grupo de Operações e Investigações) da Polícia Civil.

A vítima foi encontrada morta por catadores da Solurb ao lado de amontoado de sacos de lixo, próximo ao Mercadão Municipal. Em seguida, os trabalhadores abordaram uma viatura da Polícia Militar e informaram sobre o achado do cadáver. A perícia encontrou duas embalagens de pós branco no bolso da vítima, mas após análise foi constatado que não era droga.

Alexandre foi preso na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro, por homicídio qualificado por motivo fútil.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.