Bataguassu: PM acha assassino ao seguir rastro de sangue em bairro

0

Uma grande poça de sangue dentro de uma residência ao redor de um corpo e rastro de sangue que se estendeu ao longo de diversas ruas de um bairro de Bataguassu, a 335 km de Campo Grande, levaram policiais militares a descobrirem autoria de assassinato horas depois do crime, no domingo (8). O caso aconteceu no bairro Jardim Santa Rosa, após briga de facas entre autor e vítima, na madrugada.

Boletim de ocorrência registrado na cidade relata que a polícia militar, acionada, encontrou o corpo de Tiago da Silva Araújo, 33, dentro de uma casa na Rua Rio Paraná. Ao redor havia muito sangue, pontua o boletim, e a polícia foi acionada, de forma anônima, com relato de que “uma pessoa agredida implorava para não morrer”.

Publicidade

A porta da casa estava arrombada, a PM chamou o Corpo de Bombeiros e no quintal, havia uma faca de cabo de plástico de cores branca e roxa com a lâmina torta. A polícia notou que havia um rastro de sangue na porta casa, e que as marcas continuavam a marcar o solo, diz o boletim, por várias ruas do bairro.

As marcas, segundo o registro, terminaram na Rua Jasmin, onde a polícia também afirma ter encontrado outra faca, esta com cabo de madeira. Ao entrar na casa, a polícia encontrou homem identificado como Adilson dos Santos, “tentando limpar o sangue do corpo”. Segundo o boletim, ele apresentava um corte.

Levado ao hospital, Adilson apontou não ser o autor do assassinato e acusou Wilian Pereira Lopes, 26. Segundo o boletim, Wilian foi à casa de Tiago junto com Adilson e a briga terminou em morte.

Willian, afirma o registro, confessou desentendimento com a vítima, que teria ocorrido três dias antes do assassinato. Ele disse que foi até a casa de Tiago, junto com Adilson, e que ali encontrou apenas “uma usuária de drogas”. Tiago teria chegado momentos depois e questionado sobre o furto de um celular, “investiu contra Adilson com golpes de faca”.

Willian interviu na confusão, atingiu Tiago com golpe no abdômen, cabeça e depois que a vítima estava caída, com diversos golpes nas costas. Depois fugiram do local. Os dois foram presos em flagrante e levados à delegacia de polícia civil onde o caso é investigado como homicídio simples.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.